sábado, 23 de julho de 2011

"I write sins not tragedies..." (parte 2-final)


 - Capítulo anterior: parte 1


Nós dois sorrimos, e antes que pudéssemos dizer mais qualquer coisa, ouvimos alguém se aproximar.
- Alice? – reconheci a voz de Matt e tampei a boca de Caleb com uma das minhas mãos, enquanto a outra fazia sinal para que ele ficasse quieto.
- Preciso ir – sussurrei em seu ouvido e me afastei.
- Ai está você – Matt sorriu para mim – Por que está demorando tanto aqui fora?
- Já disse, não estava me sentindo muito bem – disse me encaminhando de volta para o salão. 
            Ouvi os passos furiosos de Matt atrás de mim, logo em seguida um beque surdo e o barulho de algo pesado caindo no chão. Ao olhar para trás me deparei com Matt caído e Caleb com uma barra de ferro entre as mãos.
- Caleb, o que se passou pela sua cabeça para fazer isso? – disse me aproximando de Matt ao perceber que uma poça de sangue estava se formando embaixo de sua cabeça, conferi se ele ainda respirava e suspirei – Ainda bem que não o matou...
- Alice, venha comigo, podemos fugir e sermos felizes juntos!
- Se eu for, estaria colocando a vida de nós dois em perigo.
- Mas...
- Mas nada, foge Caleb, antes que seja tarde – olhei ao redor e percebi que algumas pessoas se aproximavam, peguei o relógio de ouro que Matt usava no bolso e o joguei embaixo de alguns arbustos.
- O que você está fazendo?
- Forjando um assalto.
- Então, você não irá mesmo vir comigo? Você escolhe a sua vida que é apenas mentiras ao invés de mim? – ele perguntou irônico e um pouco nervoso – E ainda diz que me ama?
- Eu te amo, mas escolho a minha vida de “mentiras” como você mesmo diz em troco da sua existência, se fugirmos, você será morto – senti as lágrimas rolarem pelo meu rosto – Foge enquanto pode Caleb.
            Ele se aproximou de mim e enxugou minhas lágrimas, dor e rancor estavam escancarados em seu olhar.
- Vou sentir sua falta – ele me beijou e partiu.
- Eu nunca irei te esquecer – sussurrei para mim mesma, respirei fundo e fui buscar ajuda, voltando, como Caleb sempre dizia, para a minha farsa, a vida que eu não queria mais precisava. 



P.S. Hey jujubas, como estão? Ok' confesso que as únicas imagens que se encaixaram com a fic' foi as de Vampires Diaries. Sei que não é o final que muita gente esperava mas estava pensando que talvez possa escrever uma continuação, tipo: "I write sins not tragedies 2"  o que vocês acham? opinem nos comentários. 
Nossa, e a morte da Amy Winehouse? Eu não era fã dela, mas gostava das músicas, a ficha ainda não caiu para mim... é tão estranho... ela era tão jovem. 
Beijos ;*

7 comentários:

Érika disse...

A ficha ainda que a Amy Winehouse morreu não caiu ainda em muita gente...É triste alguém morrer tão jovem e pelos motivos que a levaram a isso.
Gostei dessa pequena fic, mesmo não sendo com o final que fora esperado. Mesmo assim, amo coisas diferentes*-*
Ah, e adoraria ler uma continuação da mesma.
Que Deus a abençoe!
Érika.

Suelen Alves disse...

mais uma das fics perfeitas da Tay-linda-Jones hsauhsau #taparei
gente, essa menina é diva e escreve divinamente bem, eu leio tudo que ela escreve, por mais que não comente husausashah
Alice é uma tonta U.U
mas é a característica da Tay, fazer fics com finais diferentes \o
eu quero parte 2 \o/
é nóiz que voa bruxão hsuashausha

Patriny Marcelle disse...

Adorei a fic. Li a parte 1. É perfeita. Realmente não era esse o final que eu esperava, mas nem sempre finais felizes existem. Para mim foi uma grande demonstração de amor da Alice. Continua com a fic sim. Você escreve bem!
Nem eu estou acreditando na morte dela. Todos esperavam por isso, mas de qualquer forma é estranho.
Beijoks
Passá lá no I Simply.

Jéssica Natasha Cazal disse...

Oii. Adorei seu blog. Tambem curto Panic At the disco *.* Tô seguindo ^^
Beijos

http://pudimengorda.blogspot.com/

Sirlara Wandenkolk disse...

HAHAHA, fico bem legal ^^ (mesmo a sensação de ter chegado na hora errado pq estava na 2a parte >.<) rsrs

p.s.: achei seu blog por ai e já fui fuçando..

Bjo ^^

http://e-raumavez.blogspot.com/

Olive disse...

minha ficha caiu na mesma hora, drogada do jeito que era não ia durar muito, aahhh escreve a continuação sim, seria bem legal.

Drizana Ribeiro disse...

Isso que é amor de verdade !
Alice tomou uma decisão bem difícil !
Adorei sua short fic !
Bjs, Drii