segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Nem tudo é para sempre (Parte VIII)

Capítulo anterior: Parte VII


Segunda-feira, 24 de maio.
            Dill e Lisy estavam almoçando quando Dereck entrou e se encaminhou para o rumo delas.
- Dill...
- Dereck ela não quer saber de você.
- Cala a boca Lisy, meu assunto e com a Dill não com você.
- O que você quer? – Dill perguntou fria fazendo menção para Lisy ficar calma
- Vim te pedir perdão, Dill, por favor, me perdoa?
- Então você esta assumindo que as fotos são verídicas?
- São... Dill me perdoa, eu estava bêbado.
- Dereck... Não tem como...
- Mas eu te amo...
- E o que você sempre diz, mas cadê que cumpre? – ela disse saindo da lanchonete.


Terça-feira, 25 de maio.
            Ela acorda às 3h da madrugada com a campainha tocando. Enrola-se em um roupão e vai atender a porta. Olha para todos os lados da calçada e se depara com uma enorme cerejeira plantada em frente a sua casa
- Eu sei que você acha linda flor de cerejeira, então resolvi plantar uma na frente da sua casa – Dereck disse encostado na arvore enquanto encarava Dill que estava sem ter o que dizer- Me perdoa?
- Dereck, eu nem sei o que dizer... – ela se encaminha para admirar a árvore.
- Apenas diga que me perdoa – ele abraça-a pela cintura.
- Sim, perdôo – Dill amava muito ele, pensava que uma hora ele daria valor ao amor dela.

P.S. Voltando as atividades normais do blog xD 
e ai o que estão achando? Vocês perdoariam o Dereck?


obs: nao precisam comentar na postagem de baixo, criei ela apenas para agrupar os capitulos da outra fic e pegar o link. 

Beijo a todos =*

14 comentários:

@juusep disse...

o que ele fez? riri

Jυℓyαnα ツ disse...

Cara ela perdoou ele por um pé de cerejeiras?
Eu mandaria ele comer a árvore!
Perdoar é magnânimo mais cara ele já traiu ela duas vezes [/que nós sabemos\]!!!




;*

Tânia disse...

é complicado neh .. mas .. como se diz.. o amor tudo perdoa, tudo suporta (;
beeijos.

cecilia disse...

Nossa ela perdoou ele novamente?
Caramba essa historia me surpreende cada dia mais.
Beijo Tay,boa semana

Leidiane disse...

Ela tem o sangue de barata, pra perdoar tantas traições..
Eu não perdoaria não, pelo menos eu acho =/
Bjos ;*

érikaandrafa disse...

Olá, sou mais uma acompanhando essa história cheia de emoções,rs. Parabéns pelo blog!

Rafael disse...

Plantar um cerejeira na porta da casa de alguém é algo... peculiar.
:P
Bjs

• Fяαη¢єℓℓє Mσяgαη • disse...

Parceria por troca de links entende??
Você coloca o link/button do meu blog em sua página e eu tbm te linko lá no meu blog...\Õ/

Se não quiseer,sem probleemas tá?! XD

Kisses...♥
http://backstreetmorgan.blogspot.com

Tania T. disse...

Huuum.. bem complicado! Só mesmo estando na pele dela pra entender o que ela quer..

Enfim.. to amando a história!! E aguardo a continuação!!!

Bjokinhas =*

M disse...

Ao menos se fossem pitangas...
rs

• Fяαη¢єℓℓє Mσяgαη • disse...

Oiee amoree...♥
Legaal saber q vc tbm curte Ray Ban...\Õ/
rsrsrs...obrigadapor ter dado sua opinião no meu post...XD

Kissees...♥
http://backstreetmorgan.blogspot.com

Buba. disse...

Dizem que só as pessoas de bom coração conseguem perdoas, massss... Não sei se eu perdoaria não.

Carolina Hermanas disse...

Essa fic está cada vez mais emocionante *_*
Continue postando.
-
Eu não perdoaria.Ele é muuito cachorro.AHUAHAUAHAUAHUA.

-
vou ler a parte de baixo, do Halloween.Ainda não li! =D

Drizana Ribeiro disse...

Dill! Você é muito doida !!!! Não era pra perdoar ele não !!!
Raiai viu !

#adorandoahistoria

Bjs, Dri!